Aprendendo a lidar com as adversidades e álbum de fotos Challenge Florianópolis

Medalha Challenge Floripa 2014

Medalha Challenge Floripa 2014

Salve Save galera, tudo bem?

Conforme prometido, aqui estou eu e com a medalha no peito.

Mas nem tudo são glórias, essa prova contribuiu com mais uma etapa do meu amadurecimento e evolução, tanto na vida como no esporte e principalmente me mostrou como lidar com as adversidades.

Confesso que fiquei bastante chateado com o resultado final da prova, fui muito do longe do queria e estava preparado, mas tem dia que não é seu dia e Domingo não foi o meu.

Pneu furado, cambio da bike péssimo com a corrente caindo toda hora, discussão com árbitro que quase chegou a uma briga de fato, penalização com plus da meia encharcada e por fim bolhas com pé (isso mesmo, foram tantas que na verdade as duas solas viraram duas grandes bolhas).

Na prova, assim como na nossa vida, por mais que nos sentimos preparados para os desafios, imprevistos podem acontecer pelo caminho, tornando o que era “quase certo” em algo dramático que te levam a outro rumo e com isso levando sua história para outro fim, que não o desejado.

Cada incidente ia minando minha alma, destruindo tudo que havia construído e fui em cada momento perdendo a cabeça e me descontrolando. Até que chegou um momento da corrida que desencanei totalmente, pois não havia mais nada o que poderia ser feito e resolvi “trazer para os boxes” da maneira que dava, mas desistir ??? Nunca

A maior lição de toda essa experiência , consigo enxergar hoje, dois dias após a prova e com certeza levarei para o resto da vida. É difícil se antecipar às adversidades que acontecem que não estão no seu controle, mas saber manter a calma, continuar procurando entregar o seu melhor, sem se abalar, ou melhor, utilizando isso como mais uma força para lhe incentivar e continuar em busca do seu melhor.  Essa a maior lição que aprendi de como lidar com as adversidades e para aquelas que sim estão no seu controle, ATENÇÃO !!!

Obrigado mais uma vez pela torcida e pelos votos de boa prova, Vamo que Vamo, afinal a vida é que nem a fotografia, o segredo é transformar o negativo no positivo.

Abaixo algumas fotos do final de semana

Roga e eu no Aero

Gui , Paula e Eu no Aero

Gui, Paula e Eu

Gui, Paula e Eu

Ale Ferrari e Eu na transição

Ale Ferrari e Eu na transição

Arrumando a tralha na transição

Ale, Donald e a Julia, nossa futura triatleta

Chefe do fã clube

Fotos de Toca = Uma beleeeeza

Foto Mundo Tri

Foto Mundo Tri

Ludão – tomou puxão de orelha pela bike , mas ele continua sendo o cara !!!

últimas instruções – Mar não tava para brincadeira não

Irmãos Correa , Ale e Gui

Adri Norte e Gui Correa

Na largada

Ale Ferrari , Donald, Eu , Roga

10685519_10152870267518486_5561489385576274_n

Foto Mundo Tri , Ainda não tinha dado nada errado (ainda)

10459919_10152871683728486_6062208832343616809_n

Foto Mundo Tri – Bolhas e dor sim , alegria sempre 😉

10846023_10152871686893486_52435284900514584_n

Foto Mundo Tri

10806498_10205785123136927_1955115247804825365_n

Quadro que resume MUITO bem a prova KKKK

IMG_0499

Bike check-in – Donald , Eu e Roga

IMG_0517

Paula fotógrafa oficial

IMG_0501

Entrando na T1

IMG_0500

T1- me preparando para bike

IMG_0516

Saindo para correr

IMG_0484

O significado de ser atleta e a relação com a vitória

10487592_1627069534185464_8871382760811736099_n

“Ser atleta não é para quem quer viver do esporte ou para quem quer viver para o esporte. Ser atleta é para quem tem o esporte no coração e sabe que faz parte da higiene do seu corpo tal qual escovar os dentes e que da mesma forma sabe apreciar o bem-estar que o esporte proporciona. Ser atleta também não é carregar pesos ou marcas homéricas, é decidir quebrar seus próprios limites, independente do tamanho que eles são, porque o esforço é particular a cada um, portanto a vitória também. Ser atleta não é carregar uma medalha no peito, é carregar as pessoas que estão ao seu lado no peito e a vitória na mente, porque quem ganhou sabe que é vencedor e não precisa de símbolos para lembrar. Vitória é sentimento, não é texto, marca, insígnia, símbolo ou metal. Vitória real é a satisfação de superar seus medos e suas limitações. Vitória é enfrentar você antes do outro, é tentar antes de desistir e nunca desistir antes de tentar. Vitória é uma atitude. Ser atleta é um estilo de vida…”

Esse texto eu li no IG do @guilhermeguidovpalma , triatleta carioca .

Treinos e mais treinos , mas com uma ENORME diferença , totalmente desencantado. O que é bem diferente de relaxado.

Sabe qual a diferença ?   Cabeça fresca !!

Domingo agora é dia de prova , Challenge Floripa , e ta ai gente , passa rápido né ?

E é pensando dessa forma, ” Vitória é uma atitude. Ser atleta é um estilo de vida…”  que vou enfrentar mais um desafio , prova  com distância de meio Ironman

Mas  queria dividir com vocês que curti cada treino , fiz o melhor que pude , adaptei vários treinos para se encaixar na minha nova rotina e no fim acho que deu certo.

Conto aqui , prometo em primeira mão semana que vem , se Deus permitir com a medalha no peito.

E vamo que vamo que domingão é dia fazer força e fazer o que amo

Thanks,  love you all