A base de tudo

1526236_495910303863544_1731605071_n

Esse é o ano hein !!!!!

O ano de 2014 começou , mas minha sensação é que não houveram muitas mudanças , venho mantendo o ritmo de treinos , sem férias , na pegada !!!!

Desde o final de dezembro estou me dedicando a uma boa base de pedal , são distancias curtas , 80 km , 100 km  de muitas subidas. O foco tem sido um pedal para desenvolver força e resistência , afinal as subidas sempre foram uma das minhas dificuldades e é esse o trabalho que venho fazendo. A ideia é fazer isso até o final do mês, para entrar em fevereiro nos treinos de mais cadência e ir aumento as distancias.

Outro foco tem sido a musculação, também peguei firme no mês de dezembro e continuo também até o final de dezembro, a ideia era ganhar mais massa magra para fazer um “estoque” e utilizar isso nos meses a frente de volume mais alto. O efeito, pelo menos na aparência e na balança está nítido, de 68 kg para 71 kg de balança, % de gordura de 17% para 13%  .

Na natação percebi bem essa diferença de força , os treinos de palmar ficaram bem mais tranquilos , tenho conseguido tempos que antes não conseguia. Mas ainda tenho nadado bem mais girado do que algo específico. O volume tem sido 6 mil por semana.

A corrida que está complicada , quer dizer , que corrida ? Nenhuma né !!! Estou fazendo um trabalho na Sports Care para reaprender  a correr , vamos ver no que vai dar , mas a cabeça está boa e é isso que vale.

Publiquei no meu face , mas não custa nada colocar aqui mais uma vez , esses dias um grande amigo e ciclista GIGANTE sofreu um acidente em Curitiba na BR , graças a Deus só uma perna e um pé quebrados , mas o susto foi grande. Não poderia deixar de fazer esta homenagem a ele , vesti o uniforme dele , de sua loja , Kona Trishop , para homenageá-lo e desejar uma rápida recuperação. Força Max , tamo junto

1512717_631997926862582_749544582_n

Anúncios

Senta , pega um Whisky que la vem história …… 2013 chega ao fim.

Mais um ano se passou e que ano hein, ano em que esse blog cresceu com cada vez mais gente acompanhando, onde divido quase tudo da minha vida, meus pensamentos e o mais legal de tudo, é saber que alguém do outro é impactado com isso, mas de uma maneira boa!!! Tive a oportunidade esse ano de conhecer algumas pessoas que estão do outro lado do texto, algumas só por troca de e-mails, outras pessoalmente, outras em cima da bike, mas independente do jeito a interação foi e é sensacional. Com certeza se intensificará em 2014.

O ápice disso foi o presente que recebi ontem, de uma pessoa anônima que estava por trás da tela e que hoje, ainda bem que está desse lado de cá, sério, me vi numa situação de alegria, misturado com prazer, com admiração, com carinho, cumplicidade que há muito tempo não sentia.  Na verdade acho que a melhor palavra para descrever é INCRÍVEL!!!!

E a vocês que me aguentam, torcem e que também tem seus sonhos o meu muito obrigado por fazerem parte da minha vida e o desejo de boas festas, ano que vem tem bastante coisa para dividirmos e sempre será uma via de duas mãos. Meu muito obrigado por tudo.

O ano de 2013 foi no mínimo diferente, para ser bonzinho e não ficar de muito mimimi, ano de dedicação, frustrações, lesão, separação, novas amizades, recomeço e vitória. Às vezes fico me perguntando como tudo isso pode acontecer em apenas 12 meses, em tão pouco tempo ocorreram tantas coisas.  O projeto de vida Ironman e tudo que envolveu isso foram umas das experiências mais intensas que já vivi, não é só ir lá e treinar, muita coisa muda na sua vida, na verdade muda na inscrição, nos meses que antecedem (o ciclo) só se intensificam. Isso vai muito de cada um, eu acredito, cada um encara de uma forma o desafio, a prova,eu encaro como um estilo de vida. O acidente um mês antes e da maneira que ocorreu, foi uma grande provação e que venci.

Depois disso tudo ficou meio sem sentido, na época, ainda casado, resolvi viver o sonho da minha ex-mulher, apoia-la, Hawaii, triatlo, com um casal de amigos (nota mil), ao mesmo tempo iniciava-se o processo de recuperação do ombro, afinal aquilo era apenas mais uma dificuldade e que não iria me deter. Defini a volta, 70.3 de Miami, mais para final do ano, assim daria tempo para me preparar. Mas claro que não seria tão simples assim né?

Nesse processo todo, vem a separação, mudanças no cargo/trabalho, sessões intermináveis de fisioterapia, volta as piscinas e aos treinos, por fim duas semanas antes da prova , mais um desafio, a lesão no quadril e glúteo. PQP, minha cabeça foi para o espaço!!!! Como era possível aquilo estar acontecendo, será que mais uma vez eu viveria aquela frustração?  Tomei a decisão de seguir em frente, com ou sem dor, independente da consequência. Fui lá, vi e venci!!! E que sensação de vitória inacreditável, confesso que de dor também, não foi fácil, mas no fim deu certo.

Hoje continuo no processo de recuperação da lesão, mas um pouco mais além, reaprendendo a correr, com um trabalho de reensinar o corpo a forma correta, pois se não sempre voltarei a me machucar.

Mas mencionei as palavras, recomeço, vitória, isso tem muito a ver com esses últimos 3 meses, uma característica minha é sempre procurar olhar o lado bom das coisas e porque não da vida? Tudo o que aconteceu só me fortaleceu, me vez ver e realizar que problemas são feitos para nos fortalecer, claro que o processo é uma merda, mas é tão bom quando você percebe que passou!!!  Isso sim é uma vitória, com direito a uma bela medalha no peito. Alias o que é a medalha em uma prova dessas que faço?? Se não um símbolo de conquista, de mérito por todo o esforço e comprometimento que tive e que venci ao passar o pórtico. Ao receber o DVD ontem (presente mencionado início) entendo, sinto, realizo que só segue em frente quem para de olhar para trás, e é bem isso mesmo!!! Mas aprendi muito com esse ano e tudo que vivi nele, me mostrou o como posso ser forte e seguir em frente atrás dos meus sonhos.

Quando falo de recomeço é porque esses últimos 3 meses vem sendo a fundação da reconstrução/recomeço, dos próximos tijolos que colocarei e assim seguindo em frente.

Repeti esses dias algumas vezes isso, que agente não escolhe quem passa na nossa vida, mas agente pode escolher quem queremos que fique, né? Eu gostaria muito que vcs fiquem e que me acompanhem nessa jornada de vida. No meu dia a dia, também, existem as pessoas que quero muito que fiquem, mas essas também precisam querer,  😉

2014 é ano de AÇÃO, ano de correr o Ironman Florianópolis (25 de maio as 7:00 am), ano de muito treino, dedicação e principalmente foco e com isso ser FELIZ ,  pretendo dividir aqui com vocês esse novo caminho e os tijolos que colocarei aos pouco na base até maio.

Por fim, trago um dos vídeos que uso para me motivar e que retratar exatamente o que serão esses próximos 5 meses, é rapidinho , vale assistir.

 

 

 

Vamo que vamo

Um excelente 2014 a todos vocês

Mais um capítulo do Diário do Ironman – Revista Mundo Tri

 

Inscrição em mãos

Inscrição em mãos

 

 

Tudo bem ?

Segue mais uma capítulo do Diário , esse fala sobre a prova que ocorreu dia 24/2 em Santos , está bem legal.

 

Click no link abaixo (capítulo 4)

Capitulo 4

Asfalto molhado = cuidado dobrado

O final de semana chega , feriado em SP , mas trabalhava na sexta, só não deu para fazer o longo de natação. Mas deu para fazer algo que não fazia faz tempo , jantar e cinema com amigos queridos , fomos assistir as aventuras de Pi e recomendo!!!

Sábado marquei de encontrar dois amigos (Thiago e Renato) as 9 , assim daria para começãr as 7:30 e dormir mais um pouco e ainda ter compania para treinar. Perfeito certo ? Mais ou menos……

Acordo sábado antes do despertador , me sentindo ótimo , pronto para encarar os 120 km fora da estrada , em uma mistura de ciclovia e USP e com ceretza um excelente treino psicológico também.

Chego na USP , olho o céu e realizo , vai chover !!!! Mas vamo que vamo , que não está chovendo ainda e o pedal é longo.

Bastou andar 10 km na ciclovia que cai o mundo e assim foi por bastante tempo , mas em momentos a chuva parava e em outros apertava. Logo veio na minha cabeça , CUIDADO , piso molhado = PERIGO.

Ao mesmo tempo ficava pensando (lá perto de Interlagos) ” porra ta longe , o que faço ?” “encosto aqui e espero para sempre ” , “entro no trem e vou até a estação da USP” , ” volto devagar , muito esperto até a USP e fim ao treino ” Qual vcs acham que escolhi ?

46 km´s pedalados , já sem chuva , dentro da USP com chão molhado e rumo ao carro , conciente que ninguém veio treinar , o meu treino estava encerrado e bola para frente, quem sabe um treino de musculação na academia.

E na última curva , a 30 metros do carro , MUITO de davagar que o asfalto chegou literamente perto rapidamente . Capote !!! A frente saiu e eu tomei o maior rola.

Fora o susto, os arranhões e as dores no corpo durante o final de semana inteiro , tudo bem !!! Pronto para outra 🙂

De metro em metro se conquista o cume

Of Course it´s Hard

Of Course it´s Hard

Os treinos longos vem se mostrando menos “assustares” do que imaginava , sei que ainda estão no começo e que tem muita coisa pela frente , mas por enquanto tudo bem (pelo menos eu acho rsrsrs).

Tive a sorte de excelente companhia nos pedais mais longos , principalmente nos de estrada , ir sozinho , pelo menos para mim será complicado. Enquanto você pedala na USP ou na Ciclovia , é legal ter alguém junto , mas é totalmente viável fazer um voo solo , mas na estrada é mais complicado.

Confesso que o pedal na estrada (Bandeirantes)  é difícil , as pernas estão doloridas pelo esforço mas ao mesmo tempo fica cada vez mais claro que “vencer” cada etapa lá é com certeza absoluta estar MUITO bem preparado. Já ouvi de várias pessoas que pedalar nessa estrada , com as várias subidas e por consequência as várias decidas  não se aplica a mesma força , que acaba pedalando menos quilometragem etc , se não girar a perna na descida , e pedalar !!!! Se ficar descansando claro que pedala menos.

Mais vai lá então fazer aquelas subidas intermináveis, vai !!! São muito duras , ainda mais para mim que nunca fui um bom escalador , mas descer rápido é D+ , botar a marcha mais “dura” e fazer força , sentir o vento no rosto é uma adrenalina indescritível , o cansaço passa, a vida passa , tudo passa rápido.

Meus treinos de quinta-feira , cada vez mais terão subidas e mais subidas , e em conjunto com a musculação para fortalecimento e ganho de força , estarei melhor preparado para enfrenta-las, já que com o aumento de volume em quilômetros , vem mais subidas pela frente. Essa semana acho que será uma semana bastante dolorida , pois hj muda a série de musculação , aumentam as subidas de quinta e a quilometragem do próximo longo também aumentará……

A corrida, que é um ponto fraco, está melhorando , a cada treino longo (as segundas) fica menos difícil e estou acertando a pulsação X ritmo cada vez mais. Já a corrida após o pedal na estrada já está duro com o mínimo , imagina quando for aumentando , meu deus.

Difícil , claro !!!!

Mas vamo que vamo , pelo menos está super divertido , tenho curtido cada vez mais e a cada treino que passa sinto que conquisto mais um metro rumo ao topo.

;0)

 

 

2013 começou faz tempo

Imagem

Normalmente quando chegamos próximos a virada do ano sempre nos incomodam aqueles desejos não realizados e ao mesmo as promessas para o próximo ano. 

Com isso nós naturalmente desaceleramos , relaxamos , vem as férias e tudo aquilo que deixamos de fazer vai sendo enterrado junto com o ano que acabou de passar. 

Para mim foi um pouco diferente, nada de relaxar e desencanar dos os objetivos, mesmo porque já estão bem definidos. E definitivamente 2013 começou faz tempo, pelo menos lá em casa. 

Começa agora em janeiro o ciclo final dos treinamentos para o Iron e o que parecia ser duro muitas vezes não era nada !!! 

Troquei a bike , tênis novos a caminho , rodas e capacete aero comprados e detalhe , em breve vários vídeos , isso mesmo , com a Go Pro (câmera show de bola) vai ficar bem mais fácil filmar e editar os vídeos desse percurso. 

Para você que colocou uma meta nessa virada , já é era de começar a correr a atrás , faça seu planejamento o quanto antes e simplesmente comece !!!! 

Vamo que vamo que o show não pode parar 

 

 

Buenos Aires = um bairro brasileiro

Setembro chegou !!! o relógio corre , o tempo passa rápido e as vezes a sensação de evolução nem tanto.

Mas é só a sensação , pois quando abro a planilha e vejo os números, fica evidente com as alterações de volume. que estou evoluindo. Antes a minha preocupação era em aumentar o rendimento , pedalar , nadar e correr mais rápido , mas agora com os volumes razoáveis a ideia é ser constante !!! Fato !!! Rápido ou de  vagar o importante é chegar ao fim.

 Divulgado o percurso e os detalhes da programação do Tristar Rio de Janeiro

Outubro tem a prova Tristar no Rio de Janeiro e na sequencia ,apenas 1 mês depois , Pirassununga com as distâncias de um meio IRON. Ano passado fui até lá assistir o Luiz  fazer a prova e ver o que eu teria de encarar agora em Novembro e confesso que o calor não é brincadeira, correr os 21Km naquele bafo vai ser sofrido. Mas vamo que vamo.

Essa final de semana eu e a Flo resolvemos ir para Buenos Aires dar um desencana geral , da dieta , o treino , do assunto , enfim respirar literalmente outros aires (rsrsrs).

No sábado , acabamos fazendo um programa muito legal, que recomendo super , alugamos bicicletas elétricas e fizemos um passeio com guia de 2 horinhas. FOI SENSACIONAL . Passamos pelo parque do Ibirapuera deles (chamado 3 novembro) , puta astral legal , um monte de gente correndo. Confesso que ficamos com água na boca, mas afinal havíamos combinado de nem levar o tênis.

Ainda por cima encontramos vários amigos por lá e ainda melhor sem querer , o que deu uma outra cara para o final de semana e o tornou mais etílico. 

Alias o que tem de Brasileiro por lá não é brincadeira , parece mais um bairro de uma cidade brasileira , mas valeu , sempre é bom mudar um pouco as coisas

Vamos que vamo

A diferença da “Química” da USP e a da escola

Salve Salve !!!

Os treinos continuam firmes , os volumes tem aumentado gradativamente , as corridas de segunda cada vez mais longas e mesmo com o tendão da perna direita ainda incomodando depois desses treinos , venho me sentindo bem , alias super bem. A única coisa chata é ficar fazendo o famoso balde de gelo o resto da semana , mas não tem jeito ou vai assim ou não vai.

Agora, o primeiro  minuto é chato , depois a coisa vai bem !!!

Já na bike estou enfrentando um período duro, mas com certeza vou colher os resultados, fazia tempo que não sofria nos treinos longos de sábado. Essa sábado apesar de ter feito os 80 km’s em 32,5Km/h de média , sofri bastante. Isso aconteceu e vai acontecer pelo menos nos próximas 3 semanas , já que as quintas estou fazendo um treino de força subindo 8 vezes a famosa Química. Não estou reclamando , pois poderia ser bem pior se fosse a subida do Matão , mas costumo pensar que a Química da USP é que nem a da escola. A prática ou estudo te leva a bons resultados , assim como a prova na escola que ficava fácil, a única diferença é que a da escola você nunca mais vai usar e se quer lembrar , já a da USP minhas coxas não me deixam esquecer tão fácil.

Para não deixar de mencionar , tem a natação , que essas semanas estavam fazendo o desafio do canal da mancha na academia , que para mim que não tenho o menor interesse em saber em que lugar estou no canal tem sido até que bom , pois os treinos são de tiros mais longos, de mais tempo nadando, e isso também preciso treinar e tentar manter uma mesma velocidade e consistência. Tem sido legal !!!!

Por fim , mas não sem menos importância , queria aqui falar do quinto elemento do Triatlo. É isso mesmo , são cinco você não sabia ?

Natação , ciclismo , corrida , descanso e o companheirismo. Como isso é importante !!!

Importante e vital , pelo menos no meu caso, é muito legal ver meus companheiros evoluindo nos treinos , se motivando quando estão próximos de uma prova , fazendo seus testes de roupa/alimentação , enfim fazendo sua rotina.

Isso faz um processo automático de você tentar motivar seu companheiro e ao mesmo tempo se motivar. Trabalhar a cabeça é fundamental para o sucesso dos treinos, cada dia que passa entendo mais isso e tento praticar comigo e com os outros que estão ao meu lado.

Boa semana e bons treinos